Edificaste

Entre em contato

comprar-sem-financiar

6 formas de conseguir dinheiro para comprar sem financiar o 1º imóvel

Escrito por Yard Publicidade em 27 de fevereiro de 2018

Está pretendendo sair do aluguel ou da casa dos pais e ainda não tem o dinheiro suficiente? Esta é uma dor de cabeça que afeta muita gente. Afinal, a casa própria é um grande sonho para a maioria dos brasileiros. E muitos deles – acreditamos que seja seu caso – não querem comprometer parte de seu orçamento mensal para o financiamento de um imóvel, que pode representar uma parcela muito significativa de sua renda. Pensando nisso, buscamos 5 maneiras para ajudar você a finalmente comprar a casa ou o apartamento dos seus sonhos sem precisar financiar.

 

1 – Arrume uma renda extra

Seja polivalente. Você pode buscar algum emprego com amigos que precisam de uma ajuda em alguma função, pode descobrir uma forma de renda extra a partir de um hobby, pode ser fotografia, palestras, produção de conteúdo multimídia, etc. Existem diversas possibilidades Dependendo de sua formação e vocação, você pode virar professor em universidades particulares ou pode se arriscar como professor particular de inglês. Tem habilidades musicais? Comece a dar aulas sobre o instrumento que você domina. Explore seus potenciais.

2 – Guarde um pouco a cada mês

Sabemos que essa dica é meio óbvia, mas acredite, muita gente não consegue fazer isso. Não é a toa que alguns estudos como este publicado pelo G1, dizem que o brasileiro não é um bom administrador do próprio dinheiro.

Você pode e deve ser diferente. Cortar pequenos gastos desnecessários pode até parecer uma tentativa irrelevante. Mas a longo prazo, irá representar uma economia significativa. Se você tem dificuldades, recomendamos que leia este artigo que dá algumas dicas de como poupar dinheiro mensalmente.

Poupar dinheiro para comprar casa

O brasileiro, em geral, não é bom para poupar dinheiro, mas você pode ser diferente! Imagem: mobills.com.br

3 – Peça dinheiro emprestado

Essa é para quem inspira confiança. Crie coragem, encare o sogrão, ou seus próprios pais e amigos. Peça dinheiro emprestado e estabeleça um prazo que você possa cumprir. Estabeleça uma negociação sincera, se for o caso, faça um contrato registrando a forma de pagamento. Não vá sair pegando dinheiro adoidado por aí sem saber se vai poder pagar. Você pode, inclusive, apelar para os métodos 1 e 2 para pagar suas dívidas de empréstimos também.

4 – Diversifique investimentos

Procure aplicações que rendam mais do que as que você utiliza atualmente, como a bolsa de valores ou outros investimentos de curto prazo como os que você pode encontrar aqui. Sabemos do risco, porém diversificar investimentos é uma ação que poderá lhe gerar um bom retorno. E se você for bom, pode se tornar ainda um grande investidor igual àqueles de Wall Street. Que tal?

5 – Vá atrás de alternativas com juros mais baixos

Procure alternativas como a de um consórcio, por exemplo, que é um meio autofinanciável de um grupo de pessoas reunidas por um mesmo objetivo de compra. Os consórcios não cobram juros, mas existem algumas taxas, como a Taxa de Administração (TA), Fundo de Reserva (FR) e o Seguro. Existem diversas opções de consórcios no mercado.

6 – Ofereça um patrimônio

Você tem aquele carro usado que está “parado”? Ou talvez um terreno desocupado, ou até mesmo um imóvel? Muitas construtoras têm o costume de aceitar bens de clientes em uma negociação, portanto, procure uma construtora flexível.

Conteúdo extra: Aposte na sorte

Essa é a que menos recomendamos, mas… Você se sente sortudo? Existem muitas maneiras diferentes para arriscar a sua sorte e ganhar uma quantia interessante. Pode ser na loteria, apostas esportivas ou em algo que necessite de habilidade, como um jogo de poker. Se você acha que vale a pena correr o risco, vá em frente. Mas recomendamos que opte pelos outro 4 métodos. Lembre-se: O objetivo aqui é economizar e não gastar tudo.

Além destes métodos, como bônus, sugerimos que você ainda pode tentar uma negociação para financiar diretamente com a construtora para facilitar sua compra sem doer tanto no bolso.

No final das contas, nenhuma alternativa é muito fácil de ser cumprida, mas com toda certeza os esforços que você vai ter de fazer para adquirir seu imóvel serão extremamente recompensadores. Não haverá sensação para descrever a felicidade de, após realizar sua mudança, finalmente pode chamar aquela casa ou apartamento de sua / seu.

Acesse o artigo original no blog da LAAR Construtora.